Blog Saúde Bucal

Quais as consequências do siso deitado e o que fazer?

O dente do siso é o terceiro molar e o último a nascer, o que geralmente acontece durante a adolescência. Esse evento é temido por alguns que já ouviram sobre as chances desse dente crescer de maneira errada, além da dor que costuma gerar.

De fato, pode acontecer de nascer um dente siso deitado ou torto. Por isso, neste conteúdo, vamos explicar quais são as causas, as consequências e a solução para esse problema. Fique com a gente e aprenda mais sobre esse assunto!

Por que o dente do siso nasce deitado?

De forma geral, o nascimento indevido desse dente acontece porque há uma área muito pequena para ele evoluir. Como ele já nasce lá no fundo da boca, em um canto, em um espaço menor, muitas vezes esse dente não encontra local livre para crescer do modo certo. Então, ele evolui para o lado com mais espaço livre, o que provoca a sua inclinação, até ficar torto ou deitado. Outra consequência disso é o dente crescer para dentro do osso mandibular.

O que é feito nessa situação?

O dente do siso costuma nascer entre os 16 e os 21 anos. Durante esse período, é importante que o adolescente vá regularmente ao dentista para que o especialista possa fazer exames de imagem e acompanhar o desenvolvimento desse dente.

Dessa maneira, se o profissional perceber um crescimento incorreto, ele conseguirá se adiantar e resolver o problema, pois a raiz do dente do siso, nessa idade, ainda não está calcificada, isto é, está mole e fácil de manusear. Assim, o dentista vai avaliar a melhor solução para o problema.

Com ou sem siso

Quando o dente está se desenvolvendo para dentro da mandíbula, a extração deve ser realizada, mas, em outros casos, a retirada do dente pode não ser necessária. Muitas vezes, se constatado que pode haver perda de sensibilidade na área, devido à extração, a cirurgia não é a melhor opção.

O paciente pode ainda escolher não fazer a operação e ficar com o dente do siso inadequado em sua boca. Em tal situação, a pessoa precisa realizar um acompanhamento mais específico, como exames radiográficos rotineiros, a fim de observar o andamento desse problema e evitar os danos que esse desenvolvimento incorreto pode causar futuramente.

Quais as consequências do dente do siso deitado?

Ficar com o último dente nessa situação pode ser algo bastante danoso e acarretar diferentes doenças bucais, desde cáries a um cisto dentígero. Vamos ver a seguir algumas dessas patologias!

Cárie

Já famosa, ela ocorre devido ao acúmulo de bactérias nos dentes, a tal da placa bacteriana. Esses microrganismos começam a comer os restos de comida da boca e produzem um ácido corrosivo que, com o tempo, causa danos sérios aos dentes. Nesse caso, um dente do siso deitado aumenta as chances de cáries porque dificulta a higienização, facilitando o excesso de bactérias.

Apinhamento

A falta de espaço para o dente do siso gera um “efeito dominó”, provocando um amontoamento dos demais dentes, sobretudo os frontais. O apinhamento é essa aproximação exagerada dos dentes, que proporciona um efeito estético desagradável, além de problemas na mordida e na articulação das palavras.

Doenças periodontais

A gengivite e a periodontite são inflamações periodontais que acontecem, geralmente, devido ao excesso de placa bacteriana, ou seja, no caso de falta de higienização ou limpeza incorreta. Como o dente do siso deitado dificulta a chegada da escova e do fio dental, a higienização é mais difícil de ser realizada, o que pode causar tais inflamações.

Cisto dentígero

Esse cisto geralmente é pequeno e não apresenta sintomas e só pode ser percebido com exames de imagem. O problema costuma aparecer na coroa (parte de cima) dos dentes siso inferiores, mas não oferece grandes riscos à pessoa e pode ser retirado por meio de cirurgia.

É sempre importante procurar um bom profissional para cuidar da saúde bucal, independentemente de seu problema ser um dente siso deitado ou não. Somente um dentista é capaz de avaliar a melhor solução para você e se precisar extrair seu dente do siso, um bom profissional consegue fazer isso com sucesso.

Falando em remover dentes do siso, aproveite para conferir o que comer no pós-operatório!

Pesquisar

Categorias

E-Books

Redes sociais

Publicações Relacionadas

Saúde Bucal

Afinal, o que é sialorreia? Entenda aqui

Algumas doenças podem se manifestar na boca, mas ter uma origem mais profunda — no sistema nervoso, por exemplo. Por isso, é importante cuidar da saúde de todas as maneiras possíveis: com uma alimentação saudável, atividades
Saúde Bucal

Aparelho transparente? Confira essa tendência!

Um sorriso alinhado e harmônico pode fazer toda a diferença na vida de uma pessoa. Promove, inclusive, a melhora considerável da autoestima, uma vez que pode influenciar bastante na apresentação pessoal e até mesmo na
Saúde Bucal

Afinal, quais são os tipos de dente? Conheça aqui!

Um adulto saudável tem 32 dentes na boca. Nessa quantidade, como você pode perceber ao passar a língua por eles, há a presença de diferentes tipos de dente. Tal diversidade dentária acontece pois são necessárias

Encontre a Sorridents mais perto de você!

Finalize seu Agendamento

Pesquise a unidade desejada abaixo. Depois, selecione a clínica escolhida para conferir as datas disponíveis para agendamento.

Carregando Unidades...
Nenhum horário disponível para a data selecionada